Como havia dito, hoje o assunto é  sobre os suplementos termogênicos.
Mais uma vez o Nutricionista Esportiva Roney Ferreira entra em ação e explica para a gente um pouco de suplementação, em especial os termogênicos.

Este tipo de produto fortemente comercializado promete principalmente auxiliar no processo de emagrecimento. A seguir, mais informações com dicas de como utilizá-lo!

Confira:
Texto escrito por Roney Ferreira
Termogênicos Comerciais:
Nos suplementos alimentares com ação termogênica, os produtos são compostos por substâncias extraídas de plantas que induzem o organismo a todo aquele processo descrito no post anterior a este. São elas: cafeína, guaraná, a teobramina (presente no cacau), a capsaicina, as catequinas e a sinefrina da laranja amarga.
Indicações e Uso: 
São utilizados para melhora do desempenho físico por aumentar o estado de alerta, para atenuar e retardar os efeitos da fadiga, diminuir percepção de esforço e potencializar a contração muscular e principalmente para acelerar o metabolismo para promover o emagrecimento.
As formas comerciais mais facilmente encontradas são cápsulas, comprimidos e líquidos, onde a composição e concentração do ativo variam de acordo com o fabricante. Deve-se utilizar o termogênico entre 15 e 60 minutos antes do início do exercício físico.
Contra-indicações: 
Apesar de estarmos falando de um produto classificado pela Anvisa como suplemento alimentar para atleta e não de um medicamento, os termogênicos, mesmo sendo um excelente aliado nos exercícios, não indicados para todos os invidíduos. Como vimos, os ativos possuem a capacidade de estimular o SNC (Sistema Nervoso Central), causando alguns sintomas como: Elevação aguda da pressão arterial, aumento da freqüência cardíaca, palpitações, tremores, ansiedade, insônia, dores de cabeça, náuseas, irritabilidade, desconforto gástrico (principalmente em pessoas com gastrites e/ou úlceras). A Sociedade Brasileira de Medicina Esportiva também não recomenda que indivíduos cardíacos e psiquiátricos façam uso de nenhum termogênico.
É necessário também aumentar o consumo de água, principalmente durante o exercício, já que podem provocar desidratação.
Vale lembrar que estes alimentos e suplementos termogênicos usados de forma isoladas não fazem “milagres”. É indispensável adotar hábitos saudáveis de alimentação associado a um treinamento de rotina, garantindo assim ótimos resultados na busca do corpo desejado
RONEY FERREIRA DE PROENÇA
Nutricionista
CRN-3 27016

Alguém já fez ou faz uso de termogênico? Se sim, compartilhe conosco sua experiência e produto!

Leia também: