• depilação com creme

  • calça masc

  • Blazer

  • jpeg

  • 5_s

Retirando os pelos com creme depilatório

Depilação Masculina com Creme Depilatório - HQSC

 
Poucos homens conhecem outros métodos para eliminar os pelos e acabam por usar a lâmina de barbear indiscriminadamente, quase que diariamente.

Os pelos nascem no outro dia depois de retirados, além de grossos. A pele acaba ficando sempre irritada com foliculite, isso quando não nos ferimos sem querer.

Mas o que muita gente não sabe é que há um outro produto destinado a depilação que retira os pelos pela superfície (semelhante a lâmina) sendo menos agressivo e prático: o creme depilatório.

Um exemplo é este da marca Veet:
 

Depilação Masculina com Creme Depilatório - HQSC 1
 
O custo é na casa dos R$ 12,00, mas há ainda a versões com tubos maiores, com 180 ml, que duram bastante e são comercializados por 20 e poucos reais.

Ele é realmente um creme, de textura um pouco consistente, branco, que espalha tranquilamente na pele. Confesso que o cheiro dele é um tanto desagradável, mas nada de outro mundo.
 

Creme Depilatório Masculino  1- HQSC

 
Depois que aplicado sobre a região a ser depilada, é só aguardar 5 minutos, no máximo 10 minutos.Em seguida retirar os pelos/produto com uma espátula que vem junto (no caso da Veet). Ainda dá para limpar com um algodão, caso não tenha a espátula.

Como disse, os pelos são retirados rente à pele, nascendo novamente pouco tempo após (igual a lâmina). Contudo é bem menos agressivo se comparado a outros métodos, além de prático.
 

PS: faça um teste de sensibilidade na região que for utilizar. Assim você evita reações desagradáveis.

Cera ou Pomada para Cabelo? Entenda suas diferenças

Diferenciar uma cera de uma pomada pode parecer missão impossível, mas não é! Eu mesmo me enrolei durante muito tempo para distinguí-las, mas há diferenças que irão te ajudar na hora de comprar algum destes produtos.

Primeiramente os dois são modeladores para cabelo, ou seja, destinados a texturizar, pentear e fixar os fios.
 

Imagem retirado do Blog Studio W

 
Textura:

Tá aí um ponto que evidencia quem é quem! A cera é geralmente  um creme denso, inclusive algumas bens espessas por serem em bastão. A pomada se aproxima de um creme mais pegajoso, às vezes confunde-se com uma pasta.

 

Acabamento:

 As pomadas em grande maioria têm efeito seco, porém há algumas com efeito com brilho.  Já as ceras variam entre as que acrescentam um leve, quase imperceptível brilho, a moderado.

 

Fixação:

Esse é o quesito que todo mundo quer saber! Será que o produto vai deixar meu penteado no lugar?

Gosto de indicar a cera pro dia-a-dia porque algumas são versáteis, fixando de leve a moderado dependendo da quantidade aplicada. Algumas, inclusive, permitem remodelar o cabelo durante o dia, porque são endurecem os fios.

A pomada quase sempre tem fixação média para alta, ou seja, será ideal para quem quer deixar tudo no lugar e em ordem por mais tempo.

 

Preços e Opções:

Os preços variam muito de marca para marca independente do produto. Existem opções de farmácia na casa dos R$20,00.  As que indico são as importadas Tigi, Keune, Schwarzkopf , Redken, entre outras que possuem um preço em conta no exterior (e absurdo aqui no BR).

 

Como aplicar:

- Ambos podem ser aplicados da mesma maneira;
- Pegue bem pouco do produto, equivalente a uma ervilha se seu cabelo for curto, esfregue entre as pontas dos dedos e passe conforme se pretende pentear;
- Se necessário, repita o processo.

 

Agora que já conhece as diferenças, confira algumas opções do mercado com minhas impressões sobre elas!

Na dúvida, consulte o cabeleireiro de sua confiança.

(Atualizado)Tratamento com Roacutan – Parte 5 e última!

<ATUALIZADO 25/04/2013>

Há 05 meses atrás finalizei meu segundo tratamento com o roacutan e relatei através de posts,  minha última experiência com o medicamento (inclusive nesse próprio último post que estou atualizando agora) porém não havia postado nenhuma foto mostrando os resultados.

Contudo, os inúmeros comentários e e-mails que recebo até hoje em relação a esse assunto me motivaram a mostrar para vocês como minha pele estava antes do 1º tratamento e como se encontra atualmente!
 
Antes e depois do roacutan (isotretinoína)
 
Quem teve ou tem acne, independente de ser na fase adolescente ou adulta, sabe o quão difícil é, a autoestima vai pro lixo! Talvez quem não tenha tido esse problema não entenda tão bem… Mas sei que muitos passam por essa doença e como vocês podem ver na foto acima, foi excelente ter realizado esse tratamento, mesmo que duas vezes!

Durante esses últimos anos outros fatores ajudaram a recuperar minha autoconfiança, porque aumentei 15 kgs de massa magra, retirei o aparelho, mas com certeza hoje posso afirmar que vale a pena correr atrás dos seus objetivos e ultrapassar os vários obstáculos que encontramos.

Espero que isso os inspire! :)
 

<28/11/2012>

 
Já mudei meu status de relacionamento no FB e agora estou oficialmente solteiro: terminei meu namoro com a Rô! Foram longos 10 meses de namoro…

Brincadeiras a parte e , melhor dizendo, o tratamento com a isotretinoína (vulgo roacutan) chegou ao fim! Para quem teve ou tem acne sabe como isso implica no cotidiano e autoestima e como o uso deste medicamento muda a vida de quem o toma!

Desde o último post, em Maio, não tive nenhuma mudança nas taxas metabólicas nem agravamento dos efeitos colaterais, por isso deixei para fazer esse post apenas agora, 02 dias após finalizar o tratamento.

Ao total, foram mais de 8.000 mg ingeridos! Espero que dessa vez o fato de ter realizado a dosagem total, que nada mais é que a dosagem acumulada recomendada para “x” peso, me dê êxito e não permita reincidência como já havia acontecido comigo.

Agora é esperar que o organismo volte ao normal, que o fígado “durma” aliviado sem tanta vitamina A e que no máximo apareça uma espinha anualmente! rs

As mudanças são claras: pele sem inflamação nem acne, no máximo manchas e marcas que só saem com tratamentos estéticos.

Para quem não acompanhou ou queira recordar todo o lenga-lenga do meu 02º tratamento, confira os seguintes link:

Tratamento com Roacutan – Parte 1

Tratamento com Roacutan – Parte 2

Tratamento com Roacutan – Parte 3

Tratamento com Roacutan – Parte 4
 
Para quem passa por acne persistente vale a pena se consultar com um dermatologista do convênio ou do SUS e verificar se há necessidade de tomar o medicamento para se ver livre deste problema!

Olheiras, Bolsas e Rugas na região dos olhos

Muita gente me pergunta sobre tratamentos para olheiras, bolsas e rugas na região dos olhos. Por isso reuni minha opinião sobre 03 produtos diferentes que prometem amenizar este problema!

De antemão é bom antecipar que no caso das olheiras os problemas geralmente são um conjunto de fatores causadores como sono em excesso ou escasso, ingestão de bebida alcóolica, fumo, genética, entre outros.

Pela minha experiência os cosméticos que tratam rugas e inchaços nesta área se mostraram mais eficientes.

 

Esse é o Biotherm Homme High Recharge Eye Shot, já comentei dele por aqui. Trata-se de um gel energizante que gera uma sensação refrescante após aplicá-lo.

O aplicador consiste em três esferas metálicas que massageam, espalham e distribuem o gel que sai do tubo. A área fica hidratada e com aspecto mais saudável após a utilização, sem grandes mudanças. Preço Médio: R$ 93,00.

O Q10 Contorno dos olhos da Nívea é destinado a amenizar as rugas em volta dos olhos. Dos três é que possui a textura mais viscosa, quase líquida e um tanto melequenta.

O aplicador é um esfera metálica que distribui o produto. Não consegui perceber resultados com seu uso, pois não cheguei a utilizá-lo por mais de 3x.

Já a proposta do Liftactiv da Vichy Homme é diferente. Além de tratar olheiras e bolsas, o seu foco são as rugas.

A textura é em creme, de rápida absorção, com cheiro razoavelmente forte. Gosto muito dele porque proporciona uma sensação de hidratação deixando a pele firme e lisa, sendo mais indicado como antirruga mesmo.

 

Quem tiver mais sugestões de produtos que sem mostratam (ou não) eficazes, deixe a dica nos comentários ;)

Sobrancelha masculina: Como Fazer?


Retirar o excesso de pelos na sobrancelha definitivamente é uma missão difícil para os homens, porém fundamental para não parecermos dos tempos das cavernas.

Seja no estilo faça você mesmo ou contratando um profissional será importante conhecer quais as áreas em que os pelos devem ser removidos.

Antes de me deter a esses detalhes é preciso deixar claro que para nós uma sobrancelha bem feita é quando praticamente não se percebe modificações, porque só aquelas pessoas extremamente detalhistas notam. Normalmente não se deve mexer na estrutura e o correto é limpar o “entorno”.

O passo inicial é ter em mãos (você ou o especialista em sobrancelha) uma boa pinça como os das marcas Revlon, Tweezerman, pois geramente aquelas baratas de farmácia não são eficazes. Além disso um ambiente com boa iluminação  é requisito para visualizar bem onde se está puxando.


Agora será hora de definir quais pelos puxar, muito cuidado! Para isso, apesar da bagunça na imagem acima, quis mostrar ditaticamente como conhecer os limites de extensão para nunca tirar demais!

A linha em azul é a linha imaginária de até onde a extensão da sobrancelha pode chegar, em outras palavras, nunca tire daí para cima. Para aferir esse limite use uma régua ou algo similar partindo do canto do nariz seguindo em direção ao lado externo dos olhos até chegar o ponto da sobrancelha que será sua referência.

a linha preta é para indicar quais os pelos do meio poderão serem retirados e segue a mesma lógica: pegue uma régua ou similar e siga do canto do nariz até a testa, encontrando assim o ponto limite.

Não te mistério! Os demais pelos espalhados pela testa e próximos das têmporas só precisam serem limpados quando estiverem distantes da sobrancelha como um todo.

O que NÃO fazer:

Com certeza o Cristiano Ronaldo não lê o HQSC. Ele retirou os pelos da região acima da pálpebra deixando-as arqueadas (afeminadas) e isso não é um exemplo a se seguir!

A última dica:

Caso peça para um profissional fazer a limpeza de excesso de pelos na sobrancelha, observe atentamente tudo que ele (a) fizer, pelo por pelo. Se achar exagerado, não pense 2x para reclamar e impossibilitar a continuidade.

Como sempre falo aqui, menos é mais para se garantir o resultado esperado.

Quanto custa cuidar da pele?

 
O custo elevado dos produtos é uma desculpa muito comum entre os homens para justificar a ausência de cuidados com a pele. Mas será que os valores  são realmente tão altos assim?

Não precisa ser nenhum dermatologista para dizer que o fundamental mesmo é limpar e proteger  e podemos fazer isso com um higienizador (sabonete) e protetor solar!

Desde que criei o blog acumulei diversas experiências com vários cosméticos, o que me ajudou a elencar e tomar como referência dois que são excelentes para pele masculina (generalizando): o Sabonete Eucerin Dermopurifyer  (R$ 25,00) e o Protetor solar Minesol Oil Control (R$ 50,00). Ambos são para pele oleosa e de marcas respeitadas  no mercado pela boa qualidade.

Ou seja, o custo será de R$ 75,00 para manter-se saudável, previnindo-se do câncer de pele e problemas estéticos como oleosidade excessiva e manchas.

Ainda levando em consideração que o sabonete citado dura em torno de 03 meses, o custo mensal cai para R$ 58,00. Agora não tem justificativa, não é?

 

Na dúvida, se consulte com um dermatologista.

Serum Frizz Ease, Óleo Extraordinário e Healing Oil

Há pouco tempo atrás falei nesse post aqui tudo e mais um pouco sobre o uso dos óleos capilares para vocês incorporarem na rotina diária essa novidade. Relembrando, ele pode ser utilizado por todos os tipos de cabelo porque não é um produto oleoso, é só saber dosar e aplicar!

Dessa vez vamos com a resenha dos 03 óleos que tenho utilizado, começando da esquerda para direita:

- Frizz-Ease da John Frieda (R$ 60,00):

Sua função principial é a de proteção térmica, mas também tem o intuito de evitar fios arrepiados (ideal para quem tem cabelo fino), o famoso frizz que as mulheres conhecem bem.

A embalagem é compacta, possui válvula pump o que ajuda dosar na aplicação e tem um cheiro de produto de salão. Sobre resultados, ele cumpre suas propostas, porém não gera tanta maciez e brilho.

- Extraordinário da Elsève (R$ 29,00):

O preço e o tamanho são excelentes, pois dão um rendimento de meses!

É a melhor opção para quem deseja testar esse tipo de produto pela primeira vez gastando pouco. Também possui pump e recomendo para cabelos curtos apenas uma "apertada".

O seu cheiro é adocicado, mas após aplicado se torna leve. Ele trata, dá brilho, maciez, melhora o aspecto do fio. Porém dos três é o que mais se tem que ter cuidado para não exagerar e deixar oleoso.

Healing Oil da L'anza (R$ 120,00):

Esse é simplesmente o melhor de todos!

O grande diferencial dele para os demais é que ele trata de verdade, ou seja, o efeito bacana que o produto gera após aplicado perdura e melhora a "qualidade" do cabelo dia após dia com sua utilização.

Outro detalhe importante é a sofisticação do óleo, que não pesa e nem deixa o fio oleoso, mesmo aplicando um pouco a mais. Peca apenas pela embalagem que tem tampa de rosca sem permitir a adequada dosagem na hora de pegá-lo.

Truque para a Cabeleira

Postei essa foto no instagram e Facebook do blog e ela gerou a maior curiosidade por ter utilizado apenas um produto na qual deu esse efeito todo no cabelo de brilho, textura e maciez.

Eu deixei todo mundo ainda mais curioso e demorei um pouco para relevar o que danado usei, mas agora vamos ao fim do mistério!

O Spray de Brilho Argan da Charming!

Diferente de outros sprays fixadores (lakê), ele não ajuda a fixar o cabelo nem o endurece, pelo contrário, dá brilho e não pesa nos fios. O resultado é instantâneo podendo ser facilmente notado em fotos, legal não é?

Outro diferencial é que ele trata também, reparando levemente a fibra capilar, e diz ainda que serve como protetor térmico (não testei com essa finalidade).

O meu eu comprei por R$ 33,00 na versão grande de 400ml, mas  há outra versão menor e mais em conta.

Tá dada a dica :)

Linha Masculina do Paul Mitchell: Mitch

 

A Assessoria da marca Paul Mitchell me enviou dois produtos da linha masculina da marca, chamada Mitch, que foi lançada recentemente aqui no Brasil.

Double Hitter é um 2 em 1, ou seja, shampoo e condicionador ao mesmo tempo! Ultra prático para nossa vida agitada e sem tempo porque em menos de 02 minutos já se limpa e condiciona os fios em um única aplicação.

Já a pomada Barber’s Classic deixa as concorrentes de empresas brasileiras no chinelo. Ela permite modelar o cabelo com facilidade, sendo bastante prática.

 

O shampoo 2 em 1 tem textura viscosa e líquida, é transparente o que já nos apresenta a ideia de uma limpeza mais potente em relação ao poder de hidratação. Pelo que testei, indicaria para quem tem um cabelo oleoso ou normal.

Já para quem tem tendência a ressecamento, ou utiliza alguma química, o interessante seria apenas usá-lo eventualmente (1x por semana). Pode ser muito útil para viagens também!

A pomada modeladora tem textura densa, porém extremamente maleável permitindo inclusive remodelar o penteado horas após sua aplicação. O cheiro é suave e tem um quê de capim santo ou algo parecido.

Sua fixação é de leve para média, não endurece o fio e dá um acabamento com brilho extremamente natural apesar da embalagem indicar “High shine” (alto brilho). Fique esperto na hora de aplicá-lo porque muito pouco proporciona o resultado esperado.

Tanto o Double Hitter como o Barber’s Classic podem ser encontrados em salões que vendam a marca Paul Mitchell e ambos tem ótima qualidade!