• 2_s

  • 3_s

  • 5_s

  • 4_s

  • 6_s

212 VIP World Tour no Rio de Janeiro!

212 Vip World Tour no Rio - Homens qu se Cuidam

Rolou no último dia 20 o #212VipWorldTour no Rio de Janeiro e claro, estive por lá para conferir todos os detalhes e contar as novidades em primeira mão para vocês!

O evento contou com um seleto grupo de convidados, e teve como estrela da noite o perfume 212 VIP da Carolina Herrera, que nos foi apresentado em grande estilo, com direito a drinks à base de suas notas.

O cenário ficou por conta do espaço 7 zero 6, no bairro de Ipanema!

 
212 Vip World Tour - Rio - HQSC 4

212 Vip World Tour - Rio - HQSC 1

Raluca Petrescu, Gregory Martins e Juan Alves

coco young, calu rivero, roberto araújo gerard estadella

delhpine puig, alana ruas, flávia linden e luisa medrado

O webshow encontra-se na 03ª temporada, estando no ar em breve! Saiba como votar na cidade com sua festa preferida e como jogar para concorrer à uma viagem para Nova Iorque!

Clique no link acima para conferir e não deixe de conferir os episódios gravados no Rio:
 

 
Para finalizar um #EstiloHQSC com o que usei nessa noite incrível:
 

Juan Alves - Homens que se cuidam (HQSC)

Blazer e Camiseta – Zara | Calça – Penguin | Tênis – Renner

 
Pena a qualidade da imagem não ter ficado tão legal, tive que me virar com a câmera do iPhone, que apesar de boa fica pra lá de meia boca quando na mão de um fotógrafo como eu, rs, mas no fim das contas o celular foi a salvação.

 

Curtiram? :D

Leia também:

HQSC Viagens: Salvador

No último feriadão da Páscoa, a convite, recarreguei as baterias por 04 dias no hotel Golden Tulip Rio Vermelho em Salvador – Bahia.

O Rio Vermelho é um bairro boêmio da cidade, relativamente próximo dos principais pontos turísticos, e point certo para se frequentar à noite por ter vários bares, restaurantes e casas noturnas.

 

Vista do lobby do hotel

Vista da varanda do quarto

Para pegar um sol sem sair com “efeito camarão”, ou melhor, amenizar os danos do sol aqui vão minhas três dicas:

Minesol Oil Control pro rosto, afinal dá para se proteger sem ficar oleoso, além do protetor em spray da Nívea com alta proteção e essas ampolas da Pantene que são uma salvação pós-piscina! Faltou apenas um protetor labial para arrematar.

Academia do Golden Tulip é um exemplo para muitos hotéis 5 estrelas…

Como aproveitei o período para descansar, consegui aproveitar bastante o hotel e em cada dia que estive por lá conheci um restaurante diferente. Aqui vão minhas dicas e sugestões!

Ki-Mukeka: tradicional restaurante de comida baiana que possui várias unidades.

Lá há muquecas de todos os tipos possíveis e inimagináveis! Os pratos são muito bem servidos e para mim, a muqueca de peixe serve 03 pessoas facilmente. Comida bem temperada, forte, e muito gostosa.

 

Casquinha de Siri do Ki-Mukeka (e minha bagunça já na primeira garfada rs)

Casa de Tereza: Com certeza o meu preferido! Foi uma grata surpresa encontrá-lo!  Tudo foi muito bem planejado, desde os móveis, aos ambientes, atendimento e claro, a comida.

Aberto apenas há 06 meses, a cozinha é baiana contemporânea. De sobremessa peça pudim de cocô com espumante, é íncrivel e dá vontade de bis! #vaigordinho hehehe



 
Salvador Dalí: o risoto de camarão tem um quê da muqueca baiana e é uma delícia!É um mix da casa.

Há uma varanda no local com uma vista pro mar, ótimo para comer sem pressa e relaxar enquanto sacia a fome.

Camorões do Salvador Dalí

Fogo de chão: um dos melhores rodízios de carne do Brasil! Como em Recife não possui uma unidade, e muitas outras capitais do país também, é uma ótima pedida para conhecer essa rede.

Para quem nunca foi, prepare o bolso, pois serão R$ 90,00 por cabeça. De qualquer modo, vale cada real gasto pela qualidade excepcional dos cortes, e por todos os outros requisitos que compõe um bom restaurante.


Camiseta – Osklen | Bermuda – Hering | Sapatênis - VR São Paulo | Cinto - Zara

Para finalizar, consegui registrar apenas um look, mas tá valendo!

 
Gostaram? Soteropolitanos e viajantes de plantão, mandem mais dicas nos comentários ;)

Leia também:

HQSC Viagens: Buenos Aires

No mês de Novembro o mais novo Correspondente RJ do HQSC  Bruno Brandão esteve em Buenos Aires e reuniu dicas de lugares para quem irá curtir a cidade. Confira!

 Texto escrito por Bruno Brandão
 

Fala pessoal!

Fiz uma viagem para Buenos Aires por uma semana e posso dizer que fui surpreendido positivamente pelas belezas da cidade e principalmente pela ótima receptividade do povo argentino.

A primeira dica é pegar um táxi na empresa VipCar no próprio aeroporto/Ezeiza, a ida até o centro custou 210 pesos argentinos. Tratei tudo por e-mail e não tive problema nenhum. Quanto a hospedagem, aluguei um apartamento bem no Centro, próximo ao Obelisco. Pude comparar o preço com os hotéis da região e o custo beneficio é fenomenal.

Dentre os pontos turísticos visitados, sugiro: Casa Rosada, Puerto Madero, Obelisco, passeio no Tigre, Plaza San Martin, Caminito e La Bombonera!

Ainda sobre transporte, o táxi em Buenos Aires não é tão caro quanto no Brasil, mas aconselho aos leitores utilizarem os transportes coletivos, metrô e ônibus. As linhas são bem sinalizadas e mesmo estando pela primeira vez na “terrinha dos hermanos”, não fiquei perdido em nenhum momento.

Fazer uma visita guiada na Casa Rosada é ótimo para quem quer conhecer a história do país.

Acho válido fazer um passeio no Buenos Aires Bus, percorrendo os principais pontos turísticos. Custa algo em torno de 120 pesos, o pacote de 24 hs. Você pode descer em alguma parada e pegar o ônibus seguinte.

 

Com relação as compras,  infelizmente os preços estão equivalentes aos do Brasil!

Porém, não deixem de “garimpar” a Rua Florida, pois achei algumas coisas interessantes. Principalmente na loja de departamentos Falabella, várias marcas de cosméticos estão presentes dentre elas MAC, Clinique, Dior e Lâncome. Também vale a pena passar na Farmacity, você pode encontrar uma filial  em quase todas as ruas de Buenos Aires.


O shopping Galerías Passífico, é um charme, praticamente todas as lojas mais “chiques”  estão presentes. Porém, o shopping que eu mais gostei, foi o Abastos Shopping.

Apesar de não ter o “melhor café do mundo”, o Café Tortoni, deve estar presente no roteiro de todos que visitam a capital argentina. Um charme e  aconchegante. Se pensar em sorvete, aprecie um sorvete de doce de leite na sorveteria “artesanal” Fredo, maravilhoso!


 
Por fim, não saia de Buenos Aires sem comprar o alfajor da Havanna!

 
Confesso que cheguei no Rio com uma sensação de quero mais, porque essa semana passou voando! Espero poder retornar pois acho que a cidade ainda tem muito para oferecer.

Para quem já conhece Baires, compartilhe mais dicas de lugares ;)

Leia também:

HQSC Viagens: Belo Horizonte

Viajei para Belo Horizonte, “aka” BH, há quase um mês atrás e fui me esquecendo de contar a vocês o que tem de bom para se curtir por lá!
Para os marinheiros de primeira viagem que vão desembarcar no Aeroporto de Confins, um aviso: o aeroporto se chama na verdade de ConfinsDOMUNDO, pois a distância dele para a cidade é de quase uma hora. Opte por pegar o ônibus executivo ou alugar um carro (recomendo!) ou na própria fila para comprar passagem do executivo recrutar uma galera para dividir o táxi cuja corrida até o centro custa uns R$ 80,00.
Bairro Belvedere

No quesito hospedagem, um hotel que vale a pena ficar é o Max Savassi. Na realidade o quarto é um flat bem bacana! O ponto forte é a localização, uma rua paralela com o Shopping Pátio Savassi, onde se encontrar vários bares legais e próximos de brechós, farmácias, comércio… Além disso possui bom café da manhã, piscina, sauna e os quartos são bem organizados. O ponto fraco do hotel, ou melhor os pontos ruins são: academia que apenas possui boa esteira, mas os demais equipamentos não (ênfase no de musculação que são bem meia-boca), e o restaurante que fecha a meia-noite. 
Dica-mor: ir no final de semana pois há uma promo que reduz o preço da diária para R$ 180,00 + 5% ISS.
Vista da sacada do hotel (Shopping Pátio e Chevrolet Hall atrás)
Para quem gosta de locais históricos, não deixe de passar no Palácio da Liberdade e tenha uma boa aula de história feat. humor com um guia pra lá de peculiar.
Infelizmente não lembro o nome dele, mas ele é barbudo, com cabelo no comprimento grande também e possui uns trejeitos bem distintos. Com certeza este guia me fez ouvir e também rir atentamente a cada história por não ser metódico.
Palácio da Liberdade
Ainda na linha histórica, conheça Ouro Preto. A antiga capital mineira fica a mais ou menos a 1 hora e meia de BH (cuidado na estrada que possui bastante curvas sinuosas).
Para quem é católico, vai adorar conhecer o tanto de igrejas que lá tem. Reserve o dia inteiro para conhecer a cidade, pegue um mapinha no posto de informações de turismo ou contrate um guia por aproximadamente R$ 100,00. Caso esteja de passagem rápida e descomprometida, opte ir sem o guia. Visite a mais rica em ouro do Brasil e também a Igreja que fica na frente da praça em que Tiradentes faleceu.

Caminho para Ouro Preto

Eu modelando kkkk
Vista de Ouro Preto 1
Vista de Ouro Preto 2
Já para quem não dispensa uma fazenda, conheça Águas do Treme, um paraíso para comer, passear e descansar. 
Trata-se de um hotel fazenda, mas que permite entrada com custo de aproximadamente R$ 40,00 para passar o dia (chamado de Day Use). Lá tem uma lagoa incrível, uma lojinha de artesanato, passeio em uma espécie de trem e também a cavalo, além de piscina, cantinho do sossego, local para pesca, SPA, e restaurante.

Na volta de Águas do Treme para BH há um lugar que vende comidas regionais e que comercializa uma Ambrósia dos deuses! Vale a pena comprar quilos e mais quilos para fazer estoque!
Não deixe de ir na Lagoa da Pampulha também em um outro dia, onde você verá o estádio do Mineirão, Igreja Frascico de Assis e muita gente se exercitando :)
Lagoa da Pampulha
Ah, para finalizar, conheça também o restaurante Xapuri, típica cozinha mineira. O preço não é do mais em conta, mas possui um cardápio que permite conhecer bastante dos sabores de Minas.
Experimente em outros restaurantes o tradicional Feijão Tropeiro.
Bem, essas são minhas experiências após a segunda viagem para essa cidade. Muita coisa não entrou no post, como Mercado Central, BH Shopping, Boate Velvet, entre outras coisas porque senão o post nunca acabaria rsrs.
 Como dá para perceber é pertinente alugar um carro ou ir com amigos que possuam carro para conhecer vários outros lugares de Minas.

Leia também:

HQSC Viagem: Natal

Opa moçada!
Aproveitei o feriadão do Carnaval para descansar. Como Natal, capital do Rio Grande do Norte para os mais modestos em geografia, é uma cidade bem próxima de Recife, aproveitei para ir para lá. 
Cheguei ontem na Quarta de Cinzas e resolvi compartilhar hoje com vocês um pouco da cidade que pude conhecer entre manhãs na piscina do hotel e saídas para restaurantes durante o dia.
A cidade:

Durante esse período Natal fica vazia! Ponto positivo para a limpeza e organização da cidade, que é bem estruturada e sem lixo nas ruas.
O foco da agitação fica no Bairro Ponta Negra, onde se concentra os melhores bares, restaurantes e hotéis de Natal.
No shopping Midway, o maior da cidade cujo proprietário é o dono  do grupo Riachuelo, o estacionamento é de graça! Lá há muitas lojas conhecidas por nós, mas durante estes dias apenas os cinemas funcionaram.
 
Em off para Recife: alguns “pauzinhos” estão sendo mexidos aqui para a criação de uma ponte tão moderna quanto essa da imagem acima ligando os bairros do Centro e Boa Viagem, impulsionado claro pelo Shopping novo “RioMar” e também pelo projeto Via Mangue.

Restaurantes:

O Camarões Potiguar ganhou um espaço especial nas minhas lembranças gastronômicas! Melhor restô de Natal!!
Os motivos são vários! O estacionamento sem custo, ambiente bem projetado, a espera com conforto e com direito as entradas como o pastel de camarão para ir “iniciando os trabalhos”, o atendimento gentil e prestativo do inicio ao fim dos garçons, hostess, além claro do principal: comida excelente com um custo ótimo.
A faixa de preço dos pratos é de R$ 40,00 a R$ 60,00 (serve no geral 4 ou 3 pessoas). Acabei indo lá duas vezes durantes estes 5 dias e recomendo como prato principal o Duo Mar, um prato leve com peixe grelhado com camarões, legumes salteados e arroz com broncólis, sem esquecer no final da sobremesa: bolo de chocolate com hortelã, que une brownie de castanha, mousse de hortelã e bolo de chocolate com calda!

Outra dica de restaurante é o Mangai.
No esquema self-service de comidas regionais, a variedade de alimentos é excelente! No final, há várias opções de sobremesas também. Um prato custa em torno de R$ 20,00.
O ambiente é muito bem decorado, os garçons fantasiados de cangaceiros, o cardápio neste formato que dá para ver na imagem acima. Na hora de pagar a conta, mais artesanato regional (nordeste), ótimo para comprar lembranças.

Por fim, uma foto minha da varanda do Flat com qualidade meia boca via iPhone.
Agora chega de turismo né? hahaha Amanhã voltamos a programação normal :)

Leia também: