Homens que se Cuidam

ler posts recentes

DIETA LOW CARB E MASSA MUSCULAR: Dicas para Ganhar Peso

Nutrição e Fitness 04 setembro 2018 | Por Juan Alves

Eu comecei a me alimentar mais naturalmente depois que passei a conhecer a dieta low carb que está muito famosa por ajudar a emagrecer as pessoas rapidamente, mas será que dieta low carb e massa muscular combinam pra quem quer ganhar mais massa magra?

Por reduzir consideravelmente as fontes de carboidrato, especialmente os industrializados, enlatados e processados, seu aporte calórico precisará de reforço, ainda mais se você tiver metabolismo acelerado!

Isso quer dizer que a redução de carboidratos tem que ser bem planejada, o incremento de gorduras saudáveis que irão te prover energia bem organizadas juntamente com as proteínas também pro seu cardápio ter calorias suficientes e micronutrientes bacanas pra estar saudável.

Pensando nos erros que cometi até agora, além daquelas dicas que estão dando certo, eu quero contar pra você tudo sobre esse assunto agora! 😀
 

Dieta Low Carb e massa muscular


Geralmente quem está pesando bastante e vamos assim dizer está “acima do peso”, vai encontrar na low carb uma maneira natural de equilibrar a proporção de músculos Vs. gordura, mas no caso de quem quer aumentar de peso é diferente!
 

Aporte calórico

Procure se informar se sua alimentação possui a quantidade de calorias necessária para o aumento de peso, sobretudo massa muscular, então ter a ideia de macronutrientes em cada refeição é fundamental.

O ideal na dieta low carb é que a base da alimentação seja mais natural possível com verduras e legumes, seguidas de boas gorduras, sobretudo de origem vegetal, aliadas as fontes de proteína que podem ter naturalmente gordura também e por fim os carboidratos. Ou seja, é uma alimentação equilibrada partindo da premissa que você não irá restringir macronutrientes tá? (gordura, proteína e carboidrato)
 

Aprenda a escolhar as fontes de carboidrato

Nossa principal fonte de energia será gordura saudável, como gemas dos ovos, abacates, queijos, pastas de amendoim, oleoginosas, carnes, entre outros.

A lógica é retirar os refinados como açúcar e trigo, então pode deixar de lado o pão branco, macarrão e arroz, por exemplo, para optar pelos carbos mais saudáveis em pequenas porções como aveia, batata doce e até mesmo batata inglesa.
 

Saiba compor as principais refeições

Eu errei muito no inicio porque estava praticamente almoçando sem carboidratos, o que não é o ideal, ainda mais se seu foco é aumentar massa magra.

Nessa refeição em especial a quantidade de folhas, legumes e proteínas (geralmente carne/frango) são bem generosas, acrescidas de sementes e/ou oleoginosas e por fim um pouco de carbo como feijão branco, grão de bico, batata doce, enfim… Alguma opção que te forneça um tiquinho de carbo numa quantidade de forma que esse alimento seja coadjuvante no prato.
 

Pré-treino

O momento pré-treino, ou seja, aquela alimentação cerca 1 horas antes dos exercícios é uma das MAIS importantes no sentido de acrescentar carbo saudável.

Eu tenho comido muito pão 100% integral com pasta de amedoim que eu amo! É uma bomba de energia saudável pra gente que tem metabolismo acelerado.

Considerando a baixa quantidade diária que como de trigo/carboidrato não há mal algum e dessa forma consigo energia extra pra treinar pesado.
 

Pós-treino

Eis aqui outro momento importantíssimo porque o carboidrato auxilia juntamente com a proteína na recuperação muscular pós-exercício, então juntos com o almoço e pré-treino acaba sendo um dos momentos mais importantes do dia pra manter o processo anaboólico em alta.

Tá mais que liberado o uso de whey protein que pode ser acompanhado de um leite vegetal pra equilibrar o consumo de proteína + carb pós exercício, especialmente caso você não queira consumir calorias vazias como dextrose e maltodextrina.
 

Vídeo bônus: Alimentos Low Carb


 
LEMBRANDO SEMPRE que o meu intuito é buscar um estilo de vida mais saudável que faça o corpo e mente funcionarem em harmonia, preservendo o lado físico/estético também e não lhe dizer o que trará mais resultados meramente estéticos.

Alguns nutricionistas podem simplesmente querer te prescrever outra forma de se alimentar por querer te entregar resultados mais rapidamente.

Minha sugestão é seguir as dicas sem paranóias e excessos. Vamos viver sem ditadura! Faça o que lhe faz bem a curto e longo prazo que não tem erro 🙂

Leia também

Comente pelo WordPress